COMPORTAMENTO, Saúde, Sexo

Broxei. E agora?

29 de dezembro de 2014

Você já deve ter ouvido/dito a frase: “tudo bem, isso é normal”. Ou se você é o cara, deve ter respondido “mas isso nunca me aconteceu antes”. Mas e aí, o que fazer nesse momento, no mínimo, constrangedor?

Por que as pessoas broxam?

Devemos começar com uma sentença: MULHERES TAMBÉM BROXAM! As reações do corpo são diferentes em cada pessoa. Nos homens, acontece a diminuição da ereção peniana e a lubrificação local, enquanto nas mulheres diminui a lubrificação vaginal, a ereção dos mamilos e do clitóris, diminui o rubor sexual (cor avermelhada), os órgãos e regiões próximas aos genitais relaxam e diminui o inchaço nos grandes e pequenos lábios, na vagina e clitóris.

Muitos podem ser os motivos: problemas no relacionamento, dor, se sentir obrigado a estar ali, não senti prazer, mau cheiro… mas além disso, tem os problemas pessoais, como a falta de dinheiro ou problema com os familiares. A “broxada” nada mais é que a perda de foco na hora da transa.

O que fazer?

Forçar a relação é o pior caminho. Conversar é o melhor caminho e caso essa perda de ereção seja constante, vale procurar um psicólogo. O parceiro deve cser compreensivo, deixando a pessoa à vontade. Caso haja um tratamento, acompanhe sempre, afim de ajudá-lo.

Você Também Poderá Gostar

Comentários

Deixe seu comentário