Beleza, Química da Beleza

Cronograma capilar, o que será?

5 de maio de 2015

Parece complicado mais não é. Dá trabalho? Dá, mas qual o cabelo que não dá trabalho?

Qualquer cabelo precisa de atenção pelo menos duas vezes por semana, mas o cabelo cacheado/ crespo precisa dessa atenção acentuadamente.
O cronograma nada mais é, do que a programação semanal para o seu cabelo, é como se ele estudasse, e o cronograma fosse os horários das aulas que ele tem. Para quem está em processo de transição ( saindo do liso e assumindo os cachos) ou até mesmo pra quem já está natural, ele é super importante.

O cronograma é dividido basicamente em três partes: hidratação, nutrição e reconstrução. É importante começar seguindo essa ordem, pois um cabelo se estiver muito quebradiço, fraco e ressecado se for recebendo logo de cara uma reconstrução pode ficar ainda pior.

Muitas pessoas acham, que seguir um cronograma é muito caro, pois cada etapa exige um tipo de produto que têm um tipo de efeito. Isso é verdade. Mas não é verdade que você precisa comprar os produtos mais caros do mercado. Dá sim, pra fazer um cronograma com bons resultados e gastando pouco.

È importante também, ficar de olho no que a gente come. Sim! Porque o nosso organismo é uma máquina, certo? E tudo que você come serve de combustível para alguma coisa. E isso tem sim, efeito sobre o crescimento e desenvolvimento dos seus fios. Então pensamos assim: quanto melhor eu me alimento, melhor é o aspecto do meu cabelo. Simples assim, todos ganham!
Então vamos começar.

 Hidratação

Bom, Hidra= água, então aqui vamos repor a água dos fios. Você pode procurar por máscaras compostas geralmente de extratos vegetais ( plantas ou frutos) aloe vera, pantenol, silicones, vitaminas, sacaroses, mel e proteínas hidrolisadas como a seda, soja e arroz. Ficou confusa? Calma!

Nessa etapa eu prefiro usar produtos naturais, coisas que a gente encontra na cozinha, abacate, babosa, leite, maisena, água de coco, cenoura, beterraba, etc… Sempre misturando com a hidratação. É nessa etapa que você vai perceber seu cabelo macio e suave. Mas calma aê! Não é na primeira semana do cronograma que você vai conseguir esse efeito, lembre-se que a palavra chave do cronograma é disciplina.

Existe um queridinho unanime, um coringa, por assim dizer da hidratação. Ele potencializa qualquer hidratação. É o Bepantol líquido. É só colocar algumas gotinhas no creme de hidratação de sua preferência. Você pode procurar por cremes que se encaixem diretamente ao seu bolso, é só ficar atenta ao tipo de substancia que ela tem.

Nutrição

É na nutrição que repomos os lípidos do cabelo; ou seja, a oleosidade dos fios. Essa etapa para quem tem cabelos cacheados é fundamental e indispensável, pois você deve saber que a formação estrutural do fio cacheado dificulta a chegada do óleo natural do cabelo  até as pontas, por isso é importante que se tenha uma certa atenção com isso. Já a reposição de óleos em cabelos mais lisos, deve ser moderada, já que eles já tendem a ser mais oleosos. Você precisa sentir seu cabelo, e ouvir o que ele está pedindo.

As máscaras de nutrição devem ter óleos vegetais (girassol, macadêmia, argan amêndoas, semente de uva, coco, linhaça, oliva) e as manteigas como as de karité ou cacau, tutano e ceramidas. É importante que se dê preferência à óleos naturais, e dispensar os minerais (aqueles que vendem no mercado). Eles agem fazendo como uma máscara para o cabelo e fazem o papel de graxa, danificando o cabelo apesar de,  aparentemente fazer bem.

Você pode nessa etapa, fazer a umectação. Que consiste em um banho de óleo, qualquer óleo natural, normalmente eu faço com azeite de oliva extra virgem, ou com óleo de coco. É so passar em todo o cabelo uma dose exagerada, e deixar por algumas horas, o legal é que quanto mais tempo fica, melhor o resultado, então faz umectação em um dia que você vai ficar de bobeira em casa, ou a noite pra lavar de manhã. Aí vai da sua disponibilidade.

Pra quem não curti aquele aspecto meio bagunçadinho, é aqui nessa etapa que você vai conseguir se livrar do frizz, pois o óleo dá um efeito de peso nos cabelos. O que transmite uma aparência de cabelos saudáveis. Mas repito, se você tem cabelo liso não exagere nos óleos, o seu cabelo pode ficar muito pesado.

 Reconstrução

Aqui é a parte, que na minha opinião é a mais importante, pra quem está seguindo o cronograma certinho. As máscaras para reconstruções tendem ser as mais caras, e as que estão com preço mais acessível podem não ter o efeito desejado tão depressa. Mas calma lá! Isso não é um problema, a gente sempre pode dar um jeitinho potencializando com ampolas de vitaminas.

Nessa etapa, a gente repõe as proteínas e a massa do cabelo, procure por máscaras que contenham queratina, arginina, cisteína e colágeno. (Não necessariamente todos juntos tá?! Rsrsrs).

Normalmente elas são mais densas, (daquelas que você vira o pote e ela não cai) e têm um tempo menor de aplicação. Você pode potencializar também com queratina líquida. É super barato e dá pra usar várias vezes. Aqui o cabelo fica forte e alimentado mesmo, porque a reposição de massa dá volume e encorpa os fios.

Pronto meninas, podem correr pro supermercado, abastecer o armário e começar o cronograma, posso garantir que dá um super. resultado. Vou deixar aqui uma lista com algumas máscaras de cada etapa pra facilitar. Vou deixar também o modelo do meu cronograma.

 

PS; com o tempo, (mais ou menos depois de uns dois meses) você vai perceber que seu cabelo já está bem adaptado e que não precisa, necessariamente fazer o cronograma completo, seguindo as regras religiosamente. É nessa hora que você vai começar a perceber o que seu cabelo precisa, se ele ta pedindo uma nutrição ou uma reconstrução ou somente uma hidratação básica.

A gente não precisa ficar preso à amarras nenhuma, cuidar do cabelo é como cuidar do corpo, tem que ter disposição e disciplina que o resto vem, e os elogios também hahahaha.

Beijos crespos.

cronogramaaa

Você Também Poderá Gostar

Comentários

Deixe seu comentário