Relacionamentos

Faça o meu amor valer a pena

24 de fevereiro de 2016

Quando sabemos que é a hora certa? E quando se trata de pessoas, como saber que ele é o cara? Um dia desses conversando com um amigo, eu disse que para me tirar da posição de solteira teria que realmente valer a pena. Mas o que seria isso?

Nossas percepções são feitas de passado. Hoje meu pensamento é esse de tanto eu quebrar a cara, confiar e depois me ferrar em relacionamentos. Acreditar em declarações mais vazias que o reservatório de água de São Paulo. O que é, então, a minha presunção se não medo?

Encaramos a vida buscando realidade e esquecemos que a felicidade ainda faz parte de sonhos. Você quer encontrar a “pessoa perfeita” para você quando nem você é perfeita pra você mesma. Como fazer isso?

São perguntas difíceis de responder. Um dia me falaram que eu só ia conseguir ser feliz com alguém quando realmente fosse feliz sozinha. E então você se sente preparada para alguém chegar, quando chega, você amedronta. Mas e se for tudo igual? E se voltar tudo como era antes?

Já dizia um amigo, “e se” não muda nada.

Acho que nunca me arrependi tanto de falar algo como foi com esse “tem que valer muito a pena”. Pois cada momento vale a pena. Seja aquele beijo delicado ou o dos mais fogosos, seja aquela cerveja tomada juntos ou até aquele japonês que vocês comeram. Todos os momentos juntos valeram a pena. E o que mais importa?

A distância, a opinião dos outros, o cansaço, os medos, tudo isso é altamente superável quando você está disposto a fazer valer. Se demonstrar interesse de sair da zona de conforto para simplesmente te ver, já tá valendo muito a pena.

Estamos sendo duros conosco e consequentemente com os outros. Deixar acontecer naturalmente, como diz o pagode, é mais do que certo, mas fazer valer a pena é muito mais interessante.

Você Também Poderá Gostar

Comentários

Deixe seu comentário