Boys

O dia que aprendi a viver sem você

25 de julho de 2016

Não sei o que é isso. Já tentei parar de pensar nas coisas, já tentei seguir em frente. Mas mentir pra mim mesma não adianta. Eu já cansei de sofrer, cansei de chorar, cansei de esperar. A realidade me mostra que tudo se foi, que tudo está perdido. Você nunca irá voltar.

Mas o que posso dizer se meu coração ainda acredita? O que posso fazer se tirar você da minha vida é difícil. Eu não choro mais, não lamento mais, pois sei que eu fiz o meu melhor por nós e você? Apenas se foi, achando ser o certo. Muitos me dizem, “esqueça-o, você é perfeita” mas nada me faz pensar em deixar tudo pra trás. Já viu a nossa história? Como uma montanha russa, né? Já enfrentamos tudo e quantas vezes mostrei o quanto eu te amava?

Vou tentando me consertar, mas negar isso é impossível. Você se tornou tudo pra mim e te perder foi como estar na beira do nada. Eu era feliz, completamente. E hoje vou aproveitando meus momentos, mas nunca serei tão feliz quando tive você só pra mim. Ainda tento entender o por quê de estar assim. O porque de não conseguir te tirar de mim. Você não é perfeito, eu não sou perfeita, e daí? Sabe o que é sentir saudades? Sabe o que é ter tudo mais sentir que não tem nada. Isso está me afetando. Eu estou diferente, eu estou sofrendo. Tem idéia do que é isso? Qual o motivo real de sentir algo que não é recíproco? O foi que eu errei? Essa é uma frase que repito todas as vezes antes de dormir. Teria eu ficado cega e doente de amor? Teria eu acreditado que finais felizes só existem em histórias para dormir.

Eu não sei como está, não sei mesmo. Já tentei te ligar ou mandar sms, mas a coragem não deixa. Sei que nunca irá ler isso, mas e daí? Eu acho que assim eu consigo tirar tudo de mim. Tenho quase certeza que seu motivo de sumir é outro. Ninguém some assim do nada, se você realmente gosta você luta por isso. Mas e se o seu amor foi uma grande mentira? Estaria eu sendo uma grande masoquista para continuar sentindo isso? Eu achava que isso iria além, mas onde está você? Não tenho raiva de você, não mesmo. E olha que tenho vontade de sentir ódio de você.

Mas sabe o que dizem, se você ama alguém tem que deixá-la partir, mesmo que não queira.

Você se foi, a coisa mais importante pra mim. O meu final feliz… E não estou sendo exagerada nem nada, não vou enganar, só eu sei o que sinto, só eu sei o quanto eu sinto. Isso é quase doentio. Eu não deveria ter me apaixonado por você, eu acho que seria tão mais fácil. Mas se pudesse voltar atrás eu definitivamente voltaria. Te amaria e me machucaria depois. É… espero que esteja feliz, espero que sinta um dia tudo que estou sentindo. Espero que encontre o verdadeiro amor, pois eu definitivamente não fui isso pra você.

Mas eu sei que um dia posso esquecer você. E aí então eu serei feliz, poderei dormir tranquila e esquecer de todas as verdadeiras e frias lágrimas que chorei por você. Então eu poderei odiar tudo em você, pois não fará mais parte de mim, não estará nos meus pensamentos, não será uma bloqueio em meu caminho. Espero que um dia eu entenda que podemos sim amar depois de sofrer, espero tudo de bom e de melhor para você. Pois isso virá em dobro pra mim mesma. Espero parar de escrever sobre você, parar de lembrar o que é viver sem você. Nossa história é uma tragédia agora e espero que com a minha força eu lute contra todos esses obstáculos. Mas antes obrigada. Obrigada por me mostrar que eu tenho sentimentos tão reais, você sempre será uma lembrança para mim. (Mariana Andrade)

Você Também Poderá Gostar

Comentários

Deixe seu comentário